sábado, 28 de dezembro de 2013

Uma figada à meia-noite...



A figada? Nasceu na virada do relógio, à meia noite de ontem,
 para aproveitar figos que não cristalizei. Nasceu de impulso, pura vontade de criar uma receita numa hora imprevista. Um ingrediente foi chamando outro, pelo cheiro, pelo aspecto voluptuoso...E tinha que ser num panelão, com colher-de-pau, pra ter graça...

 Como-se-faz: Pode usar figos em calda, ou mesmo os cristalizados. No primeiro caso, escorrer a calda dos figos, com uma peneira. Na panela, amassar os figos inteiros, formando uma espécie de purê. Em fogo brando, mexer sempre, acrescentando os ingredientes...


...15 figos em calda, noz moscada a gosto, pitadinha de pimenta preta,
1 cálice (dos de licor) de vinho licoroso, 1 colher rasa (das de sopa) de vinagre balsâmico,
raspas de um limão.


Sugestão: uma delícia com queijos!

O aroma final é telúrico...o sabor, exuberante, aventureiro...
Bom proveito!!

 Em breve, fotos e detalhes da figada!

Com carinho,
Betina

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Vou adorar compartilhar emoções culinárias com você! Com carinho, Betina