domingo, 19 de agosto de 2012

Tomate: Prosa e Poesia

Ainda conversando sobre o Veranico de Agosto, lembrei de contar que uma das saladas que mais gosto de oferecer é a minha com rúcula e tomatinhos assados. Esta receita é da genética da Chimia de Tomates, mas com outro destino final: almoços leves, por exemplo. Enquanto o preparo dos primeiros é assado no forno por uns 30 minutos, mantendo parte da estrutura 'anatômica' dos tomates, na chimia busco chegar a uma pasta homogênea, grená, com aspecto sóbrio e consistência robusta. 

Outra diferença: nos assados, usamos o tipo cereja cortados ao meio, enquanto na outra forma usamos 'Pomodori Pelati', em lata, e quatro tomates italianos, aproveitados integralmente. Por fim, as aplicações: nossa 'pastinha' cabe muito bem num fim de tarde, com alguns queijos e biscoitos  salgados, quitutes, boa música. A salada, por sua vez, acompanha muitíssimo bem uma carne grelhada, por exemplo, em que a força dos sabores se complementa. Pode-se dizer que o tomate assado é impetuoso, exprimindo intensidade e doçura numa proporção harmônica, e combina bem com várias idéias: das carnes às quiches.Há, ainda, um quê defumado no final, pela alquimia dos ingredientes no forno, em especial o melado. Bom, tenho esta impressão, que até hoje não sei explicar. 

Meu 'como-se-faz'? Preparo os tomates-cereja cortados ao meio, com a metade aberta para cima; ali, coloco o melado, cobrindo cada metade, raspas e suco de limão, pimenta calabresa em flocos. Pouquíssimo sal. Coloco no forno, em temperatura baixa, por uns 30 minutos; de quando em quando, verifico o ponto pela cor e consistência. Os tomatinhos ficam de um vermelho forte e escuro, fechado, e estão murchos e com alteração na forma inicial: ficam preguiçosos na forma. Pode-se optar por fazer no fogão, também, em fogo brando, verificando as mesmas modificações. Neste caso, o tempo médio é de 15 minutos. 

Quando prontos, jogo o conjunto por cima das folhas de rúcula e misturo com um garfo, apenas ligeiramente para não desmancharem-se os tomates. Sirvo com queijo Grana Padano ralado na hora, escolhido pelo sabor adocicado e confortável. 

A receita da Chimia de Tomates está no link:

Bom apetite!

Betina Mariante Cardoso

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe! Vou adorar compartilhar emoções culinárias com você! Com carinho, Betina